Doçura, cor e muito amor em um casamento persa: Nasim e Shek

O altar com cadeiras em volta. Um espelho que refletia os noivos, doces persas como oferendas. Foto: Vinicius Matos

Data do casamento: 24 de junho de 2012

Noivo: Shek. Costa do Marfim, bancário corporativo internacional.

Traje do noivo: Custom Tailored Tux

O noivo. Foto: Vinicius Matos

Noiva: Nasim. Persa, mestranda em educação.

A noiva. Foto: Vinicius Matos
Surpresa! Foto: Vinicius Matos

Vestido de Noiva: Priscilla of Boston

O belo vestido da noiva. Foto: Vinicius Matos

Os convidados chegando no local da festa.

A família do noivo estava toda vestidas em roupas de gala, tradicionais da família real da Costa do Marfim. Foto: Vinicius Matos

Local da cerimônia: No gramado do Chateau de Varennes, Borgonha. França.

O castelo e o jardim onde foi realizada a cerimônia. Foto: Vinicius Matos

Local da recepção:
No salão de recepção no Chateau de Varennes, Borgonha França.

Como vocês decidiram o lugar?
Com família e amigos vindos de 12 diferentes países e 4 continentes, a França foi o local mais central. Chateau de Varennes nos trouxe a Borgonha. Ficamos no Chateau por quatro noites com a nossa família e alugamos um Chateau perto para nossos amigos. Os donos do Chateau foram tão incrivelmente hospitaleiros, gentis e divertidos que nós, não só tivemos um belo local, mas sim, o local perfeito!

Tema / decoração:
Se tivéssemos um conceito de casamento, seria juntar nossas comunidades. Em vez de fornecer lugares para cada pessoa se sentar, cada mesa tinha uma lista de convidados que se sentaria junto e uma pergunta. A resposta para a pergunta era o nome da mesa.
Esta foi uma das várias formas de fazer nossas comunidades interagirem e fazer com que as pessoas conversassem entre si. O que poderia não acontecer se não fosse esta brincadeira! O Chateau não precisava de muita decoração. Hortelã fresca e cinza eram as nossas cores. Decoramos o local com 120 globos de papel em vários tamanhos e tonalidades de verde, para acompanhar as mesas possuíam toalhas cor de hortelã. Nas mesas tivemos buquês de tomate cereja e cebolinha no lugar de arranjos de flores, assim a mesa ficou colorida e nossos convidados também tinham petiscos.

Que vibração que você deseja para o seu casamento?
Diversão. Queríamos as pessoas de roupas coloridas e um ambiente cheio de vida!

O tio da noiva realizou a Cerimônia de casamento Persa.

A entrada do noivo com sua mãe e a mãe da noiva. Foto: Vinicius Matos

A entrada do noivo e da noiva ao som de um violino que tocava uma música composta pelo noivo especialmente para a cerimônia.

A emocionante entrada da noiva. Foto: Vinicius Matos.

Segundo a tradição Persa, açúcar deve ser derramado, durante quase toda a cerimônia, por amigas e familiares dos noivos em suas cabeças, cobertas por um tecido branco semi-translúcido.

Outra particularidade da cerimônia persa são as jóias, lindas por sinal, oferecidas ao casal, durante a cerimônia por pessoas próximas. Foto: Vinicius Matos

Além disso a doçura segue com os noivos lambendo mel, um no dedo mindinho do outro.

Os noivos lambendo mel, um no dedo mindinho do outro. Foto: Vinicius Matos

O noivo só pôde levantar o véu da noiva após a troca de alianças e claro, o beijo, como em quase todas as culturas, veio logo a seguir.

O "sim" e o beijo dos noivos. Foto: Vinicius Matos
Um casamento com 60 convidados, com direito a banda de jazz. Foto: Vinicius Matos
Os noivos se divertindo na cama elástica. Foto: Vinicius Matos

Foto: Vinicius Matos

30 minutos para o fotógrafo fazer um ensaio com os noivos. Foto: Vinicius Matos
Noivos felizes. Foto: Vinicius Matos
Os convidados ficaram curiosos com a aliança do noivo. Foto: Vinicius Matos

E aqui estão as duas alianças. Lindas!

As alianças. Foto: Vinicius Matos

Excelente comida, convidados animados, mistura de tradições, DJ, festa, muitos discursos e diversão total.

Noivos e convidados se divertiram muito. Foto: Vinicius Matos

Qual foi o momento mais memorável de todo o casamento?
Nasim caminhando enquanto o primo de Nasim tocava uma música no violino que Shek escreveu para ela. Foi mágico!

Que conselho você daria aos casais se casar?
Seja flexível. Você nunca sabe quais problema vão surgir. Basta descobrir soluções rápidas e seguir em frente.