O brilho de um casamento intimista


Um mini casamento com a cara dos noivos. Foto: Renato de Paula

Os casamentos intimistas  também podem ser chamados mini weddings. Estão cada vez mais na moda. Existem casais que, seja por questões financeiras, ou pela opção de fazer uma cerimônia mais personalizada e reservada preferem este tipo de casamento do que aquelas grandes festas com centenas de convidados.

As vantagens deste tipo de união são muitas, e não é apenas para o bolso. Ao mesmo tempo que o casal se obriga a caprichar mais nos detalhes, para que tenha um diferencial, ele também tem menos problemas para resolver. Essas festas podem ficar tão elegantes e inesquecíveis, quanto os grandes eventos. É um momento de partilhar apenas com familiares e melhores amigos. O número ideal é de até cem convidados, por isso, coloque na balança quem deve participar desta comemoração.

O Restaurante Angeline prepara tudo com muito cuidado para os noivos. Foto: Restaurante Angeline

Se a opção é de casar-se em um restaurante, por exemplo, a preocupação com muitos itens obrigatórios na organização de um casamento fica restrita a música, decoração, foto e convite. Não há a preocupação com a comida, bebida, doces, etc.

O Restaurante Angeline, em São Paulo, realiza casamentos com uma capacidade que varia de 85 e 105 pessoas. E se os noivos quiserem, além da comida, ainda contam com sugestão de profissionais que podem resolver temas como: decoração, música, flores, doces, etc. Os valores por pessoa variam de R$ 50, 00 e R$ 90,00 sem o pagamento do aluguel do espaço para casamentos acima de 50 pessoas.

Há também o Restaurante La Brasserie especializado na culinária francesa. Próximo à Avenida Paulista, oferece um espaço exclusivo para realizar casamentos e comemorações conta com uma decoração contemporânea e “clean”.

Casamento intimo na praia. Foto: Layla Eloa

Um casamento íntimo também pode ser sinônimo de muitos gastos quando existe a intenção de fazer algo mais personalizado. Você faz uma lista de convidados em que estão reunidos apenas pessoas mais próximas e escolhe uma praia ou um local na serra para realizar o casamento. Isso vai gerar também custos de hospedagem que podem ou não ser pagos pelos noivos. Esse tipo de cerimônia também sugere outras comemorações como um jantar no dia anterior ao casamento ou um almoço no dia posterior.

Um casamento intimo em uma casa. Foto: Renato de Paula

Além disso, ele também pode estar cheio de detalhes, mais personalizados para surpreender os convidados. Pode-se pensar um convite mais elaborado, como um convite em lata, abusar das flores para dar um ar romântico e especial e por que não, lembrancinhas diferentes que deixem seus convidados de boca aberta.

Se você fará um mini wedding conte pra gente o por quê da sua escolha. Desta forma, ajudamos e compartilhamos ideias e opiniões com outras noivinhas…

  • 0
    0

    Parabéns pelos artigos, esse em especial é um que muito me agrada, pois sou celebrante de casamento e estou amando realizar esse tipo de cerimônia.
    Sem dúvida a personalização fica muito marcante.
    Luciano Toledo – Mestre de Cerimônias

    Responder Deixe seu comentário

    contato2
    • Olá, Luciano!
      Muito obrigada. Ficamos felizes em saber que aprecia os artigos do Zankyou.
      att.
      Rafaella

  • 0
    0

    Ola, eu estava pensando em um casamento simples e intimo, mas não estava vindo uma ideia concreta até ler essa materia.
    Gostei muito .
    Optei por esse tipo de casamento porque somos noivos recem formados e quero priorizar o nosso cantinho, nosso apartamento .

    Beijos Andressa

    Responder Deixe seu comentário

    dedessa_135
    • Obrigada Andressa!
      A lista de casamento do Zankyou também é uma opção super bacana, você conhece?
      http://www.zankyou.com/br

  • 0
    1

    adorei a matéria, esta vai ser minha opção. A florista vai fazer tudo com uma decoração vintage, e eu adorei.

    Responder Deixe seu comentário

    marciafenucci2